Bom, essa pergunta é bastante recorrente e a melhor resposta, em um primeiro momento, é um grande: “DEPENDE”. Isso porque existem diversas variáveis que podem afetar a sua escolha de onde investir R$100 mil, entre elas estão:

  • Objetivos (comprar casa, carro e entre outros)
  • Necessidade de liquidez (como está sua reserva de emergência?)
  • O seu perfil de investidor (qual seu nível de conforto perante as aplicações de risco?) Clique aqui e saiba mais sobre perfis de investidor!

Para simplificar esta escolha, neste post, vamos separar os investidores por perfis, demonstrando quais as alocações sugeridas para cada um deles. Entretanto, reiteramos que é sempre muito importante o investidor contatar um assessor de investimentos.

Deste modo, você terá com muito mais clareza quais produtos se encaixarão melhor com exigências suas necessidades.

Mas o que é risco?

Risco, dentro do mercado financeiro, é definido como o potencial de resultado negativo, devido a mudanças nos preços ou parâmetros de mercado. Geralmente, esse risco se divide em 5 tipos:

  1. Crédito
  2. Liquidez
  3. Mercado
  4. Operacional
  5. Legislativo.

Como e onde investir R$100 mil

Tendo isso em mente, vamos então às nossas sugestões:

Carteira conservadora

No caso do perfil conservador, a busca por ativos com menor risco é soberana perante a busca por retornos, sendo de suma importância a preservação de capital. Para este perfil, a conjuntura atual é bastante desafiadora. Com o contínuo avanço do Coronavírus, as taxas de juros de curto prazo se encontram em níveis cada vez menores, no caso do Brasil, por exemplo, é a mais baixa historicamente.

Atualmente, está é a carteira recomendada pela XP Investimentos:

Onde investir R$100 mil: Carteira Conservadora
Onde investir R$100 mil: Carteira Conservadora

**Curiosidade: para o mês de maio, a Anbima atualizou sua projeção do IPC-A de  Maio/20 para um valor menor, de -0,45% a.m.. Por conta desta atualização, houve uma queda na variação diária na marcação diária desses ativos que corrigem o IPCA com 1 mês de defasagem e fazem aniversário entre os dias 26/05 e 27/05. Isto posto, devido ao valor da projeção, ativos que se encaixam nesse cenário com taxas até ‘IPC-A + 6% a.a.’ poderão passar a não ter rendimento diário positivo.

Carteira Moderada

Neste caso, já há um equilíbrio maior entre a tolerância para tomada de risco e a busca por maiores retornos. Por isso, veremos produtos mais voláteis e parte do patrimônio deste investidor exposta a crises e aos bons momento econômicos também.

A recomendação da XP Investimentos para o perfil moderado é a seguinte:

Onde investir R$100 mil: Carteira Moderada
Onde investir R$100 mil: Carteira Moderada

O interessante de carteiras moderadas é que temos a segurança de ativos conservadores, aproximadamente 45%, mas também a exposição em fundos multimercados, a qual ajuda muito na diversificação, principalmente por não serem direcionais.

Isto é, o mercado não precisa estar indo muito bem para ele te entregar bons retornos. Por isso é importante ter um mix de estratégias nessa classe, através dos fundos Macro, Long & Short e Quantitativos.

*Curiosidade: algumas aplicações dessa carteira são apenas para investidores qualificados (Investidores com mais de R$ 1 milhão em aplicações financeiras), então para os 100 mil adaptaríamos com outras opções disponíveis no mercado

Carteira Agressiva

Para este perfil, o portfólio como um todo tem mais apetite a risco e, com isso, maior sensibilidade aos diversos cenários econômicos.

É possível realizar diversas operações de proteção para o patrimônio nesse caso, mas o principal foco é no potencial da carteira como um todo, atingindo retornos expressivos no longo prazo.

A recomendação para o perfil agressivo da XP Investimentos é a seguinte:

Onde investir R$100 mil: Carteira Agressiva
Onde investir R$100 mil: Carteira Agressiva

Entretanto, por mais que o perfil seja agressivo, é importante olhar ainda mais afundo a importância da diversificação. Principalmente nos ativos de renda variável, existem tanto fundos que aplicam no Brasil, como também em bolsas internacionais. Além disso, eles possuem diferentes tipos de estratégia, como long only, long biased e com exposição ao câmbio além da bolsa.

Portanto, para entender melhor cada uma dessas estratégias, bem como entender melhor qual o seu perfil de risco e quais ativos são mais interessantes para você, converse com um assessor de investimentos.

Lembre-se, quando falamos de investimentos, não existe receita de bolo, cada investidor possui peculiaridades que são determinantes na hora de traçar sua estratégia!

PS: as carteiras recomendadas nesse post são feitas pelo time da XP Investimentos.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Comentário
Nome