fbpx
Ações

Blue Chips e Small Caps: vale a pena investir?

Gabriel Linhares-
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
fichas de poker Blue Chips e Small Caps

Dentro do mercado de ações, temos diversos termos e para definir o tamanho da empresa em questão não é diferente: Blue Chips e Small Caps. Essa classificação pode até mesmo fazer parte da estratégia de fundos, pois existem alguns que são focados apenas em Small Caps e outros apenas nas Blue chips.

Para você entender um pouco melhor sobre essa classificação, abaixo separamos um Guia para te ajudar a saber um pouco mais sobre esses conceitos:

Blue Chips

As Blue Chips são ações das grandes empresas e corporações da bolsa, empresas consolidadas e com alto volume de negociação. A origem do nome vem das fichas azuis dos jogos de azar, nos quais geralmente são as que representam os valores maiores.

São as ações mais procuradas do mercado, tanto pelos investidores nacionais quanto pelos investidores estrangeiros. Abaixo, separei algumas características que devem estar presente nesse tipo de empresa:

  • Forte geração de caixa
  • Boa relação com os acionistas
  • Boa governança corporativa
  • Distribuição de lucros constante (dividendos, juros sobre capital próprio etc.)
  • Crescimento constante
  • Alto valor de mercado

Além disso, vale ressaltar que não existe um número ou instituição que determine quem são as Blue Chips do mercado. Assim, se trata de uma classificação subjetiva. Ou seja, devemos entender o contexto geral e que a qualidade de uma empresa vai muito além desse fator.

Confira os melhores conteúdos sobre renda variável

Abaixo separei as mais famosas Blue Chips brasileiras:

– Petrobras (PETR4) – petróleo.

– Ambev (ABEV3) – bebidas.

– Cemig (CMIG4) – energia.

– Gerdau (GGBR4) – siderurgia.

– Itaú Unibanco (ITUB4) – banco.

– Bradesco (BBDC4) – banco.

– Banco do Brasil (BBAS3) – banco.

– Vale (VALE3) – mineração.

– Brasil Foods (BRFS3) – frigorífico

E algumas Blue Chips estrangeiras estrangeiras também:

– Apple

– McDonalds

– Coca-cola

– Walmart

– Amazon

E agora você deve estar se questionando, mas qual a verdadeira importância para o mercado financeiro dessas ações? Simples, elas são as principais empresas impactantes dentro dos índices de mercado.

Portanto, podemos levar em consideração o Ibovespa, que é extremamente impactado pelos ativos que comentados acima. Por exemplo: se as Blue Chips estiverem caindo e todo o resto do mercado subindo, é possivel que índice tambem caia, dependendo dos movimentos do mercado.

Small Caps e Mid Caps

Em linhas gerais, esse termo significa ações que têm menor capitalização, menor volume de negociações diárias e menor porte do que as Blue Chips que vimos anteriormente.

Portanto, podemos dizer que as ações Mid Caps se associam às empresas de médio porte. Elas podem ter uma boa margem de crescimento, mas não apresentam grande liquidez, o que é um risco importante a ser considerado antes de adquiri-las.

Por outro lado, as ações Small Caps são aquelas ligadas às corporações de pequeno porte. São mais baratas, menos procuradas e não têm tanta liquidez quanto uma Blue Chip, por exemplo. Além disso, também costumam ser chamadas de ações de terceira linha.

Deste modo, isso não remete que as Small Caps não ofereçam oportunidades interessantes de investimento. Por serem mais baratas, há chances de terem uma valorização extrema. Não é à toa que muitos investidores crescem os olhos em, por exemplos, ações do banco Inter, da Movida ou da Intelbras.

A decisão entre Blue Chips e Small Caps

Muitos investidores aproveitam as diferenças de cada tipo para diversificar suas carteiras entre as ações Blue Chips e Small Caps. Essa é uma estratégia que proporciona variedade e que pode ser muito vantajosa para fazer boas negociações. As Blue chips são muito mais correlacionadas ao índice do Ibovespa enquanto as Small Caps podem ficar descorrelacionadas.

Sendo assim, independentemente da classificação dada à ação, é fundamental entender se este é um bom momento para investir nas ações que escolheu e se os fundamentos técnicos e fundamentalistas estão de acordo com os seus objetivos. Afinal, não é uma boa ideia tomar uma decisão baseada apenas nessas categorias.

Em suma, espero que o artigo tenha ajudado você a entender um pouco mais sobre o mercado de ações!

Caso tenha dúvidas sobre o assunto, é sempre importante contar com uma assessoria especializada para te guiar no mercado financeiro!

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
{{ reviewsTotal }} Review
{{ reviewsTotal }} Reviews
{{ options.labels.newReviewButton }}
{{ userData.canReview.message }}
Categorias

Cadastre-se em nossa
Newsletter Gratuita!

Não te mandaremos spam!