fbpx
Ações

Como montar uma carteira previdenciária de ações para viver de dividendos?

Finanças Inteligentes-
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

No mercado de ações, é possível criar a sua própria previdência privada de uma forma simples e segura. Mas, como funciona isso na prática? A carteira previdenciária de ações para viver de dividendos é uma estratégia a longo prazo para aqueles que pensam no futuro e buscam garantir sua aposentadoria.

Portanto, ao invés de fazer investimentos em algum fundo de previdência ou depender do INSS, você investe em ações de empresas consolidadas, com histórico de resultados sólidos e projetos relevantes, que paguem bons dividendos e que estejam sendo negociadas a um preço justo no mercado.

Sendo assim, é uma filosofia extremamente simples: montar uma carteira de ativos geradores de renda passiva.

Idealizador da carteira previdenciária de ações e o maior investidor pessoa física da bolsa de valores, Luiz Barsi, ensina a viver de dividendos. Barsi mostra como qualquer pessoa pode fazer a sua previdência na bolsa sem depender do governo ou de terceiros. Com 82 anos de vida e 52 anos de mercado, Barsi é o maior exemplo de que é possível viver de renda gerada pelo mercado financeiro.

Por que você deve ter um Assessor de Investimentos?

O que são e como viver de dividendos?

O mercado de ações é o ambiente no qual empresas de capital aberto negociam frações de seu patrimônio. Ou seja, ao comprar ações você está se tornando sócio de uma empresa e, como sócio, recebe uma parte dos lucros que foram gerados por ela, proporcional à quantidade de ações que foram compradas. Deste modo, essa parte do lucro que é distribuída é o que chamamos de dividendos.

Os dividendos são a essência da carteira previdenciária de ações.

O fluxo de renda gerado pelos dividendos vai crescendo ao longo dos anos, à medida que a quantidade de ações da carteira também aumenta. Para ter um retorno consistente, dois fatores são fundamentais: a  frequência dos aportes – investir todo mês – e o número de ações adquiridas.

Afinal, quanto mais ações você comprar, maiores serão os dividendos pagos. Além disso, é importante lembrar de nunca investir um recurso que você pode precisar no curto prazo. Não esqueça: a estratégia de dividendos é a longo prazo!

Como identificar boas empresas para a carteira de ações de dividendos?

Não confunda carteira previdenciária de ações com listas de empresas que mais pagaram dividendos nos últimos 12 meses!

Nesse sentido, método idealizado por Barsi consiste em escolher empresas que apresentem as características essenciais de uma carteira de longo prazo: resultados sólidos, consolidação no mercado, perenidade do negócio e política de distribuição de dividendos bem definida.

Os bons setores geralmente são aqueles em que as empresas produzem bens essenciais para a economia do país, de tal forma que, provavelmente, seguirão existindo por mais muitos anos. São setores mais perenes, ou seja, mais estáveis e resilientes. Alguns exemplos são: setor de energia, financeiro, seguradoras, telecomunicações, saneamento, saúde, entre outros.

Como funciona o pagamento de dividendos?

O cálculo é simples. Nesse sentido, os dividendos são pagos em função da quantidade de ações possuídas em carteira. Por exemplo, se você possui 1.000 ações do Banco Itaú e a empresa anunciar uma distribuição de dividendos de R$2,00 por ação, então, você vai receber R$2.000,00 (1.000 ações x R$2 por ação).

Outro indicador muito utilizado é o Dividend Yield.

O Dividend Yield é a relação entre os dividendos pagos nos últimos 12 meses e o preço atual da ação da empresa. Então, este indicador ajuda o investidor a saber quanto de dividendos determinada empresa poderá vir a pagar nos próximos 12 meses. O valor é baseado no que foi pago no mesmo período anterior. Busque por empresas que paguem no mínimo 6% de dividend yield ao ano.

A periodicidade deste pagamento vai depender de cada empresa, podendo ser feito trimestral, semestral, ou anualmente.

Cálculo da aposentadoria: quanto vou precisar investir hoje para viver de dividendos?

Para calcular o investimento total basta dividir a renda anual desejada pela média dos dividendos pagos por ação: renda desejada ÷ dividend yield = investimento necessário.

Por exemplo, para conquistar uma renda de R$ 18 mil por ano, utilizando o dividend yield mínimo sugerido de 6%a.a, o investimento necessário será de 300 mil (18 mil ÷ 0,06 = 300 mil).

Portanto, a partir disso, você calcula a meta de quantidade de ações necessárias de determinada empresa. Assim, através dos dividendos, atingir o seu objetivo de renda anual desejada:

carteira previdenciária de ações para viver de dividendos

Fonte: E-Investidor

Neste cálculo, consideramos apenas o investimento necessário HOJE para atingir a renda anual desejada, sem considerar o reinvestimento dos dividendos ao longo do tempo. Ao reinvestir os dividendos recebidos, o valor de investimento necessário diminui e sua renda passiva aumenta. Assim como o seu patrimônio, que cresce através do mecanismo dos juros compostos.

Conclusão

A meta principal do investidor que segue o método Barsi é escolher sempre boas empresas para compor a sua carteira previdenciária e, ao longo do tempo, aumentar a quantidade de ações.

Portanto, mais ações são sinônimo de mais dividendos e, consequentemente, de maiores possibilidades de reinvestimento em novas ações. No longo prazo, a renda gerada pelos próprios dividendos será cada vez maior. Deste modo, será mais eficiente para garantir a sua aposentadoria e possibilitar que você viva de renda.

Sendo assim, esse é o momento em que você atinge a sua liberdade financeira.

Quer ajuda para montar a sua carteira previdênciaria e viver de dividendos? Preencha o formulário abaixo e agende uma conversa comigo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
{{ reviewsTotal }} Review
{{ reviewsTotal }} Reviews
{{ options.labels.newReviewButton }}
{{ userData.canReview.message }}
Categorias

Cadastre-se em nossa
Newsletter Gratuita!

Não te mandaremos spam!